Como será após o parto?

2019-01-28 Off Por Rafael Souza

Se pegou pensando em como será a vida depois do nascimento do seu bebê? Vamos falar um pouco hoje sobre acontece na sua vida depois do parto ?.

Você provavelmente aprendeu e sentiu muitas coisas novas e inesperadas sobre a gravidez e também sobre o parto. Mas saiba que as surpresas ainda não acabaram: a fase pós-parto também é repleta de surpresas, tanto no que diz respeito ao seu novo bebê quanto à sua recuperação, seu corpo.

Como será após o parto?

Durante as primeiras semanas da sua maternidade, seu corpo ainda está se recuperando em um ritmo intenso do trabalho (e que trabalho ?)  de trazer uma nova vida para o mundo. E isso pode acarretar alguns efeitos colaterais bastante desconfortáveis. Mas saiba que essa recuperação acontece por pouco tempo, logo logo você estará novinha.

Ao mesmo tempo que se recupera, você está começando a conhecer seu bebê, e também aprendendo a cuidar de seu novo filho ou filha. E nem sempre é essa fase da vida é como  você imagina.

Vamos dar uma olhada em algumas das coisas que você deve esperar sobre a fase pós-parto, considerando sua recuperação pós-parto e também seu novo relacionamento com seu filho, ou filha.

Seu bebê pode não aparentar ser com o que você esperava. Após nove meses preso em um útero apertado e também cheio de água – e uma viagem estranha pelo canal do parto, se você deu à luz por via vaginal – é muito comum que a aparência de um bebê recém-nascido seja de fato um pouco estranha. Provavelmente seus olhos estão inchados, suas orelhas ainda um pouco tortas, seu nariz pode estar totalmente achatado e também sua pele parece estar pálida ou mesmo manchada (ou ambas). E se ela veio ao mundo via vaginal, sua cabeça pode ainda estar pontuda, ou mesmo parecendo um cone.

Mas, não se preocupe com esses sinais aparentes. Todos esses sinais são totalmente esperados – e também são apenas temporárias. Daqui a alguns dias, seu filho vai começar a se parecer mais com um bebê muito fofo, que você provavelmente pensou muitas vezes durante toda a gravidez.

Sua barriga não vai voltar como era antes da gravidez do dia pra noite. Lembre-se que foram nove meses de mudanças dentro do seu útero, e que seus músculos abdominais e também sua pele se expandirem até aquele tamanhão todo. Então, claro, irá demorar algum tempo para sua barriga depois da gravidez voltar ao tamanho normal. E se você fez uma cesariana, terá ainda um pouco mais de fraqueza e inchaço da sua incisão.

E todo esse processo de retrocesso pode ser um pouco desconfortável, infelizmente ? . Conforme seu útero se contrai, você quase certamente irá sentir cólicas abdominais, e também dores de cabeça. Contudo, seu desconforto deve sumir completamente em cerca de seis semanas ou menos. Nesse tempo, use uma almofada de aquecimento quente e também está liberado o uso de paracetamol (Tylenol), para trazer algum alívio para seu corpo. Em dúvida se pode tomar paracetamol  durante a gravidez?

Você poderá ter uma menstruação mais pesada após o parto. Você poderá passar por uma descarga de sangue muito pesada. Essa secreção, chamada de lóquios pelos médicos, é formada por restos de sangue, muco e também partes do tecido de seu útero – quase totalmente onde a placenta estava presa à parede do útero.

Esse sangramento tende a ser mais constante em volume, nos primeiros três a 10 dias após o parto. O uso de tampões está totalmente descartado nesse momento, já que podem levam bactérias para seu útero, prefira absorventes para fluxos intensos e também esteja preparada para trocá-las com muita frequência. Lembre-se que esse fluxo intenso não irá durar para sempre.

Conforme o sangramento diminui, os lóquios irão alterar de cor, passando de vermelho para um branco-amarelado.

Você vai perder muito peso da água. Nessa fase de recuperação, seu corpo ainda retém muita água extra depois do parto – mas não por muito tempo. Nos primeiros sete dias após o parto, você começará a perder mais água pela urina, então prepare-se para ir ao banheiro frequentemente. Você também pode se sentir que está transpirando mais intensamente. Casos graves de suores noturnos são especialmente normais depois do parto, então considere dormir perto de uma toalha, até que o excesso de água diminua.

A dor lá embaixo pode ser bem incomoda. Se você teve um parto vaginal, provavelmente sua área perineal está dolorida e irritada. (Nascimentos de cesáriana também pode levar a um desconforto perineal, dependendo de quanto tempo você passou empurrando seu bebé ?.)

Mas existem algumas dicas que você pode aprender para aliviar a dor e auxiliar no processo de cicatrização: Procure passar gelo no seu períneo de forma frequente, nas primeiras 24 horas após dar à luz, procure tomar banhos de assento quentes e também borrifar água morna sobre a área, antes e também depois de fazer xixi, para assim evitar que a pele fique ferida.

Quanto essa dor irá acabar? Isso depende de como foi seu parto. Considerando partos vaginais sem problemas, ainda espere sentir desconforto por três a cinco semanas após o parto. Para casos de parto que foram diagnosticados com lágrimas vaginais e episiotomias, a cura pode acontecer entre 7 a 10 dias, mas você possivelmente vai sentir dor por seis semanas ou mais ainda. Pode parecer que a dor não vai embora nunca, mas aguente firme. Não vai durar para sempre.

Seus seios estarão maiores do que nunca. De acordo com a produção elevada durante a primeira semana pós-parto, você passará por casos de ingurgitamento mamário – que ocorre quando seus seios ficarem grandes, doloridos e também muito duros. Essa não é uma sensação boa, mas vai começar a aliviar dentro de alguns dias, após começar a fase de amamentação.

Para diminuir a dor, coloque compressas mornas ou compressas de gelo na região dos seios, e use um sutiã voltado a amamentação, que é mais confortável. E continue acalmando o peito, seja com gelo ou compressas quentes, enquanto adquire o ritmo de amamentar seu bebê que parece estar sempre com fome: Após os momentos de amamentação, deixe seus seios arejar um pouco antes de colocar a roupa, e procure sempre aplicar creme de lanolina, que ajudará a diminuir e também a  tratar os mamilos rachados.

Nessa fase, ir ao banheiro pode ser um problema sério. A gravidez e o trabalho de parto podem ter forçado bem seus músculos do estômago e também seu intestinos, o que pode causar um caso temporário de entupimento, levando assim a um caso de constipação pós-parto .

Para fazer seu intestino funcionar de forma mais rápida, procure consumir uma dieta sempre rica em fibras, bebe água de forma constante e procurar fazer passeios curtos, para movimentar seu corpo. E tente relaxar sua mente também. É

Quando você percebe que o primeiro cocô pós-parto está (finalmente) quase vindo, você poderá ficar muito assustada, mas faça o seu possível para ficar calma, para encarar essa situação com total normalidade. Se você está com medo de sentir dor, discuta com seu médico sobre o uso de um laxante ou um amaciante de fezes, que podem fazer com que essa hora fique mais tranquila. E se você tiver com pontos, não se preocupe. Você não vai abrir seus pontos.

Saiba que aquela dor chata nas costas, que enfrentou por toda a gravidez, pode voltar ?. Coloque ainda nessa fórmula seus muculos e ligamentos mais fracos,  todo aquele esforço que você fez ao empurrar e, é claro, o esforço extra de carregar todo peso. Isso pode gerar um pequeno pedágio na recuperação do seu corpo.

Mas lembre-se que, felizmente, o desconforto desaparecerá com o passar do tempo, conforme seus músculos fiquem mais fortes novamente. Mas há algumas maneiras de se sentir melhor num curto espaço de tempo: comece com exercícios leves voltados a área pélvica, lembre-se de fazer exercícios de flexão e elevação (a partir dos joelhos, por favor!) E tente não se curvar na prática dos exercícios. Ah, e exagere nas suas massagens – seja do seu parceiro, ou de um profissional qualificado. Afinal,  você merece ?.

Você vai se sentir muito cansada nos primeiros dias, mas seu corpo vai se adaptar. Considerando todo o trabalho pré-parto, o parto em si e também cuidar do seu recém-nascido, provavelmente não é surpresa que você esteja totalmente cansada. Esqueça todas as coisas estressantes em sua lista por alguns dias, e procure tirar alguns cochilos quando seu bebê dormir. (Aquela pilha de roupa para passar pode definitivamente esperar.) Para manter sempre sua energia, procure consumir refeições menores e também mais frequentes, e também beba muita água.

E tente sempre lembrar que isso é apenas uma fase. A privação do sono que você está passando nessa fase agora é apenas temporária. Em pouco tempo, você terá uma noite inteira de sono novamente.

Seu humor pode variar. Do riso sem motivo as lagrimas desesperadoras, você poderá passar por uma montanha-russa emocional, nos primeiros dias após o parto. Isso ocorre devido as mudanças hormonais que estão ocorrendo em seu corpo, como a diminuição do estrogênio e da progesterona, e também pelo aumento da prolactina. O estresse e a canseira que acompanham a nova responsabilidade de cuidar de uma criança também ajudam.

Essas mudanças de humor já são esperando, por isso pegue leve consigo mesmo. Fale com seu parceiro (ou outro membro do seu sistema de apoio) sobre o que está sentindo. E se você começar a notar que está se sentindo triste por longos períodos, diga ao seu médico para saber se pode ser sinais de depressão pós-parto .

Mas em pouco tempo, você vai se apaixonar por seu bebê. Claro, seu corpo ainda pode estar se recuperando, seus hormônios podem te deixando louco e você pode estar passando por uma crise de sono. Mas quando você se volta para o seu lindo bebê, todos esses sentimentos serão muito menores, e você ficará totalmente encantada. E quando seu recém-nascido finalmente voltar toda sua atenção para você, irá perceber que tudo valeu a pena.

Então fique firme nesses dias estranhos, felizes e também confusos, nova mamãe. Antes que você perceba, seu corpo (e também seu humor, seu cérebro, sua vida ) voltaram ao normal novamente. ?

Ah, sabia que existe um  Curso online de massagem para bebês?

Aprenda a transmitir saúde e amor ao seu bebê através de suas mãos. a MASSAGEM SHANTALA é uma técnica criada na Índia e traz diversos benefícios para o desenvolvimento físico, cognitivo e afetivo dos bebês. Para ter acesso, entre aqui.