É verdade que sexo durante a gravidez pode induzir o parto?

2019-01-22 Off Por Rafael Souza

Ás vezes, basta apenas um lembrete para seu bebê sair da sua barriga. Vamos aprender mais sobre se é verdade que o sexo induz o parto.

Se você já está na data prevista para o parto, você pode estar analisando algumas maneiras naturais para empurrar seu bebê para fora da sua barriga. Mas o sexo pode realmente induzir o parto em mulheres que já estão com as 41 semanas completas ? E ainda, há riscos de ter relações sexuais nas últimas semanas de gravidez?

Embora os estudos que falam sobre esse tema ainda sejam poucos, o sexo nessa fase da gravidez pode ajudar. Vamos ler mais sobre se o sexo pode induzir o parto.

É verdade que sexo durante a gravidez pode induzir o parto?

Pode o sexo induzir o parto?

O sexo pode parecer a solução óbvia e mais natural para estimular o parto: As contrações do útero acontecem durante o orgasmo, e elas podem ser bastante efetivas e podem durar até meia hora. Mas não são apenas as contrações que acontecem após o orgasmo que podem ajudar a começar o parto se o seu corpo estiver pronto .

O espermatozóide contém prostaglandinas, que são ácidos graxos que atuam como hormônios, que também são fabricados pelo seu útero para diluir e incentivar o colo do útero e levar as contrações em fase de preparação para o parto. De fato, os medicamentos que são receitados ​​pelos médicos para levar o parto (como o misoprostol) quase sempre contêm uma versão sintética das prostaglandinas que já foram apontados em ajudar a acelerar o trabalho de parto.

Fora isso, o estímulo contínuos dos mamilos e dos órgãos genitais, bem como o orgasmo em si, têm sido indicados como um meio natural de elevar os níveis de oxitocina, um hormônio fabricado pelo corpo para estimular as contrações do parto quando você está preparada para o parto. A ocitocina também é frequentemente usada por médicos de forma não natural para induzir o parto.

O sexo sempre induz o parto?

Embora haja motivos para afirmarmos que o sexo nessa fase poderia incentivar o trabalho de parto, podemos afirmar que há ainda pesquisa suficiente para provar que realmente acontece em todos os casos. Um pequeno estudo indicou que o sexo, de fato, pode acelerar o parto em mulheres de baixo risco que já completaram 41 semanas – mas quando o estudo foi refeito alguns anos depois, as mulheres com esse mesmo tempo de gestação tiveram dificuldade em entrar em trabalho de parto. Resumindo, a maioria dos estudos ja feitos se mostrou inconclusivo ou mostrou que o sexo não induz o trabalho de parto.

Quando o sexo pode induzir o parto?

Pesquisas já indicaram que, para mulheres com gravidez normal e sem nenhuma complicação, sexo e orgasmo não estimulam o trabalho de parto, a menos que as condições para o trabalho de parto estejam preenchidas – em outras palavras, se você está pelo menos na 41ª semana.

É arriscado ter relações sexuais nas últimas semanas de gravidez?

Está pensando se o sexo pode estimular o parto um pouco cedo demais – da semana 32 até as 37, 38 ou 39 semanas? As contrações que acontecem após o orgasmo não são um sinal de trabalho de parto, a menos que seu corpo esteja pronto para isso.

Se há alguma razão pela qual você não deve fazer sexo durante toda a gravidez (por exemplo, se você está em alto risco de sofrer um parto prematuro ou tem um problema de placenta), seu médico provavelmente já te contou sobre essa condição (e geralmente bem no começo da gravidez).

Algumas posições sexuais podem induzir o parto mais que outras?

De fato, não há pesquisas relevantes que indicam que qualquer posição sexual é mais efetiva em induzir o parto do que outras. Sendo assim, um ingrediente essencial para o sexo ser um bom indutor de parto são os orgasmos sentidos – então prefira qualquer posição (mulher por cima é quase sempre a escolha preferida), ou mesmo o uso de brinquedo sexual que te ajude nisso ?.

Lembre-se que existem, como você já deve saber, algumas posições sexuais que você preferencialmente não pode fazer nas últimas semanas de gravidez – especialmente seu parceiro por cima de você, já que você deve evitar ficar muito tempo com as costas para baixo, evitando assim o risco de cortar o suprimento de sangue ao seu filho (além disso, seria praticamente necessário ser um contorcionista para se manter nessa posição).

Conclusão: A maioria dos profissionais indicam que mulheres com gravidez normal podem sim ter relações sexuais até o dia do parto, sem medo de que a pratica sexual inicie de forma antecipada o trabalho de parto.

Ah, você sabia que existe um curso chamado Segredos da Boa Forma e Nutrição na Gravidez?

Descubra os Segredos da Boa Forma e Nutrição (dieta) antes e após a gravidez. Nesse e-book você ira encontrar exatamente os segredos de se manter em boa forma antes e Após a Gravidez. Exercícios recomendados para as GESTANTES fazerem suas atividades físicas. Guia nutricional com os melhores alimentos para serem consumidos durante a GRAVIDEZ, alimentos naturais indicados, que possuem valor nutricional que a gestante precisa. Também você ira encontrar uma tabela de vitaminas ,de A a Zinco e quais fontes de alimentos naturais consumir para poder está conseguindo ingerir essas vitaminas, mais uma lista com 14 suplementos importantes que você deve consumir naturalmente através da boa alimentação. O que acontece com o seu corpo e o que fazer depois de você ter dado a luz, tudo isso em 6 incríveis capítulos desse maravilhoso E-book. Obs.: Os exercícios recomendados devem ser sempre acompanhados de um profissional qualificado, tais como o consumo dos alimentos pelo seu médico(nutricionista).

Para ter acesso agora, entre aqui.